Sistema de Shotpeening RDS Mini para Molas em Espiral

Sistema de Shotpeening RDS Mini para Molas em Espiral

Entrega:

mais de 18 semanas

Tecnologia:

Jateamento com turbina

Processo:

Contínuo

Principais benefícios

Menores custos de produção devido à operação automática, alto rendimento e qualidade uniforme

Alto desempenho de jateamento (peças sempre passam por shotpeening no ponto quente do fluxo de jateamento)

Alta eficiência de energia, grandes economias

Gera uma melhoria significativa das propriedades mecânicas das peças

Características

  • O processo de shot peening baseado no princípio da cadência é simples, seguro em termos de processamento, e adequado para linhas de produção automáticas com um fluxo contínuo de peças sem armazenamento intermédio.
  • Parâmetros ajustáveis individualmente asseguram um shot peening específico em função das peças e da qualidade pretendida.
  • Sistemas automáticos de alto desempenho e consistência de fabricação reduzem os custos de produção.
  • Uma sólida estrutura e componentes de alta qualidade da máquina asseguram uma longa vida útil e baixos custos de manutenção.

Aplicações

  • Molas de válvula
  • Molas de baixa pressão

Sistemas de shotpeening para molas de válvula e molas de baixa pressão

O shotpeening é uma tecnologia avançada, econômica e confiável, desenvolvida especialmente para melhorar a resistência contra fadiga de peças sujeitas a altas tensões alternadas. O processo serve para deixar as peças resistentes a cargas no mais alto grau que suas características materiais permitam.

Processo seguro, Shotpeening totalmente automático

O jateamento na operação de alimentação é simples e seguro; permite o rastreamento da peça e se adapta de forma ideal a linhas de produção automática. Parâmetros ajustáveis asseguram um processamento definido e de qualidade uniforme e repetitiva. Com dispositivos de carga e descarga adequadamente adaptados, o processo de shot peening pode ser integrado em linhas de produção contínuas.

Pequenas peças metálicas podem passar por shotpeening em lote em máquinas de tambor rotativo; no entanto, esse método não oferece segurança completa de processo. Sistemas de mini shotpeening RDS foram projetados para lidar com molas únicas (um pré-requisito para shotpeening com segurança de processo) em uma operação contínua (princípio de alimentação contínua longitudinal e rotativo).

O jateamento na operação de alimentação contínua é simples e seguro, permitindo o rastreamento de peças, e é ideal para linhas de produção automáticas. Parâmetros ajustáveis garantem processamento definido com qualidade uniforme e repetível. Com dispositivos de carga e descarga adaptados sob medida, o processo de shotpeening pode ser integrado em linhas de produção contínuas.

O processamento

Nos sistemas RDS de shot peening, as peças isoladas atravessam a máquina horizontalmente por cima de cilindros. As máquinas são concebidas para fortalecer molas de válvula e molas de suspensão a uma cadência de cerca de 5.000 molas por hora, dependendo dos requisitos em questão. As molas são introduzidas na máquina individualmente, numa esteira transportadora em linha reta, e depois deslocam-se através da zona de jateamento. Movimentos axiais são produzidos por cames presos a correntes.

No interior da zona de jateamento, as molas são devidamente conduzidas por placas defletoras ajustáveis que também servem para dirigir o fluxo de jateamento para as peças, a fim de obter uma exposição ótima no interior do "hot spot" do padrão de jateamento. Os parâmetros do processo de martelagem com granalha, tais como a quantidade de granalha, a velocidade da turbina/arremesso, a velocidade a que as peças rodam e a duração da pausa, podem ser todos regulados para se adequarem à peça específica. É esta definição de todos os parâmetros de tratamento que assegura a segurança do processo a qualquer momento.

Pode ser adaptado equipamento periférico para a carga e descarga automática de peças adequado a necessidades específicas, i. e., separação de cargas a granel ou de peças individuais a transportar, ou percurso em linha reta de peças individuais.

Animação de sistema de Shotpeening RDS Mini para Molas em Espiral

Assista aqui à animação em 3D

Turbina de granalhagem universal

A turbina de jateamento é o coração da máquina, uma vez que a escolha da turbina determina a saída de potência e a economia. 

A máquina conta com turbinas de jateamento de granalha U70x380 Universal (acionamento direto) como item de série. As turbinas são altamente flexíveis, compactas e possuem rotação em ambas as direções. Elas proporcionam resultados de limpeza a jato perfeito e recursos de manutenção altamente convenientes.

Dados técnicos


RDS-2 Mini

RDS-2 Midi
Diâmetro externo das peças (mm) 20-40 50-120
Comprimento da peça (mm) 25-65 100-450
Rendimento máximo (peças/hora) 5000* 500*
Número de turbinas de projecção 2 2
Potência por turbina de projecção (kW) 22 22